Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Rio de Janeiro’

Se você não estava em uma jornada espacial, coma profundo ou congelado enquanto espera a ciência descobrir a cura da sua doença nas últimas semanas (parabéns!), você ficou sabendo dessa guerra que estava (á) acontecendo aqui no Rio. Eu não quero entrar nesse assunto, já que minha primeira e última tentativa de falar sobre algo mais sério e público não rendeu muita coisa (último post, logo abaixo).

Eu só queria mesmo mostrar uma semelhança absurda que vi quando abri o site da Globo.com mostrando um policial no Complexo do Alemão. Demorei muito pra lembrar do nome dele, mas graças ao oráculo Google encontrei a imagem:

Tudo o que uma redatora sabe fazer no Photoshop

Pronto, o post acabou! Em breve teremos minha primeira tirinha aqui no blog, assim que meu personal illustrator, motion designer e boyfriend Victor Marcello terminar os desenhos. Só uma pressãozinha pra apertar o prazo. ;)

Prometo que nunca mais posto baboseiras no meu ócio só para não deixar meu blog abandonado (NOT!).

Anúncios

Read Full Post »

Pinhole Day

Depois de quinze dias vivendo intensamente o consumismo e a alegria irreal na Disney (calma, Docinho, ainda vou falar sobre isso), tive um fim de semana para botar os pés no chão de volta ao Rio.

Confesso que cada vez que uma moto para ao lado do meu carro no sinal eu ainda pulo de susto, mas tive uma grande sorte de participar de um evento para ver o lado bom (e ótimo, e lindo, etc.) dessa cidade.

Graças ao meu amigo Candango, me juntei a um grupo de amantes de fotos analógicas. E mais do que isso, de fotografia analógica tirada em caixinhas de papelão ou lata de sardinha!

Câmera a la MacGyver

A minha é a da esquerda. As outras profissionais são do tarado do Candango.

Saímos da Cinelândia e fomos andando em direção à Lapa. Para tirar cada foto, é preciso contar o tempo de exposição de acordo com a iluminação. Nada de novo até aí, já que as câmeras automáticas fazem isso sozinhas, mas é bem diferente de só apertar o botão e poder contar com o visor. Pra mim, que estava fazendo isso pela primeira vez, foi tudo na base da experimentação, chute e um pouco de sorte.

É assim que gira o filme!

Mas até que a sorte me ajudou bastante:

Clique nas imagens para ampliar.

Essas e outras fotos vão se juntar às do resto do grupo e entrarão em exposição no Centro de Artes Helio Oiticica, provavelmente em agosto.

Essa foi tirada na digital pra garantir, rs!

Depois disso, ainda passeei de bondinho e encerrei o dia na Adega do Pimenta, em Santa Teresa, com uma bela feijoada alemã.

Welcome to Rio!

Read Full Post »